Corpo: Educação, Ciência e Cultura

Inscrever-se

Data

  • Junho: 19, 20 , 21 e 22 – 18h30 – 22h30
  • Julho: 17 – 18h00 – 23h00 (25h)

Apresentação

O corpo constitui uma dimensão fundamental da nossa existência. Neste sentido, importa que desde o nascimento, os educadores actuem e valorizem este aspecto da identidade no processo educativo. O corpo cruza todos os domínios da nossa existência envolvido em um tempo histórico. Como disse Merlelau-Ponty (1999, p.268), ¿o problema do mundo, e, para começar, o do corpo próprio, consiste no facto de que tudo reside nele.¿ Falar do corpo implica analisar tudo o que toca na sua existência. O corpo não é um dado imutável. Em cada época, cada cultura lhe atribui um significado, o constrói e reconstrói, o forma e o deforma. As normas e os valores da dinâmica cultural de cada sociedade configura uma maneira de ser corpo. Neste sentido, estudar o corpo implica uma leitura plural que vai da higiene à poesia, da fisiologia à política, do profano ao divino. Estudar o corpo é estar perante uma teia complexa. Na sua história, encontramos as marcas da arte, da política, da religião, da economia, da educação, enfim, de tudo o que faz parte da cultura. Isto implica a necessidade de visualizarmos o corpo segundo uma nova cartografia conceitual. Sabendo-se que hoje o corpo é o principal objecto de consumo da sociedade contemporânea é é uma referência indispensável e estruturante da formação da identidade da criança e do jovem, é fundamental que os educadores e professores estejam devidamente sensiblizados para, no seu espaço de intervenção, poderem interferir positivamente no processo educativo das crianças e jovens em formação. Pensamos que esta formação poderá contribuir para ajudar a reflectir sobre esta importante problemática e colmatar eventuais lacuna formativa nesta área.

Objectivos

O objetivo deste curso é proporcionar uma oferta formativa que integre diferentes tipos de abordagens. Ao contrário do que é habitual, esta proposta não está centrada na especificidade de uma determinada área disciplinar. A sua ambição extravasa as habituais e limitadas fronteiras em que assenta a formação.

Neste sentido, o curso dirige-se a professores de diferentes grupos ( e diferentes públicos) e visa proporcionar:

  • Analisar o corpo segundo uma perspectiva multidisciplinar
  • Discutir o corpo a partir do universo cultural da sua existência
  • Compreender o corpo a partir dos seus discursos constitutivos
  • Colocar o corpo como objecto de análise e reflexão entre os profissionais de educação

Destinatários

Educadores de Infância e Professores dos Ensinos Básico e Secundário.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Com este Curso pretende-se que o estudante desenvolva as seguintes competências:

  • É capaz de elaborar um trabalho de forma a demonstrar que sabe interpretar o corpo a partir do universo cultural e temporal em que se insere;
  • É capaz de tomar posição crítica (oral e escrita) sobre o processo constitutivo do corpo, integrando-o no contexto educativo da actualidade.
  • Revela competências conceptuais a nivel da expressão escrita e oral mobilizando os diferentes saberes disciplinares.
  • É capaz de argumentar (competências argumentativas) a sua tomada de posição sobre a problemática definidora do corpo.

Preço

100€

Docente

José Gregório Viegas Brás

CURSO DE FORMAÇÃO ACREDITADO PELO CCPFC Conselho Científico Pedagógico da Formação Contínua
Registo nº CCPFC/ACC-86919/16, Nº Créditos: 1, Válida até: 27-04-2019